Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



 

"Felizmente, e para bem da nossa racionalidade, não é possivel medir a solidão. Felizmente.

Também, e mais uma vez para bem da nossa razão, não é possivel quantificar o sofrimento. Felizmente.

Mas é possivel contar os nossos dias de solidão. Até perdermos a conta. E a resposta mais difícil é a da pergunta, " qual é o dia de maior solidão  da tua vida?". Afinal são tantos. Tantos."

 

"Já deixou de ter utilidade qualquer relógio. Aliás, já deixei de transportar este objecto ao pulso. Porque não existem horas que sejam necessárias. Contar os minutos deixa de ser prioridade, acreditam? E fico tão dependente desta noção que se torna vital que alguém me alerte para o passar do tempo."

Autoria e outros dados (tags, etc)







topo | Blogs

Layout - Gaffe