Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Dias bons ...

 

4.30 da manhã, sentados junto à enorme janela de vidro a  ver rair os primeiros traços de luz. Na mesa, entre nós, café negro quente e forte. E o pão torrado, coberto de manteiga, velho de 3 dias, pronto para saciar a fome física.

Por imensas razões que só eu realmente entendo, existe algo em ti que me transfigura. Tento,  de forma sistemática, colocar por palavras essa transfiguração. O que me ocorre? Uma comparação: a ligeireza da brisa.

 

Tal é a forma como consigo rir e  exprimentar ao teu lado.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)







topo | Blogs

Layout - Gaffe