Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



 

Consigo respirar, consigo sentir a aragem

Poder voltar a mim, finalmente

Resfolegar, arquejar, sentir o bramido dos meus pulmões

A garganta fria, rouca, mas em paz

 

Consigo olhar, de novo

Apertar a tua mão, pilar de salvação

Voltar a mim, sentir, sensação

Sem rugidos, sem torvelinhos

 

Exausto, estou exausto

Lutar em desespero,

Dores, sempre, porque vivo

Dores, padecer humanidade

 

Lábios golpeados, lacerados

Face, antes soturna, triste, dizes-me

Agora vincada, mas pacífica

Olhos, antes verdes mar, agora

Quase fechados, e quase cobalto sinistro

 

Mas respiro, ainda

Por ti, pilar também esbatido

Por mim, untas o meu corpo,

Torso flagelado, tu me acodes

Tu me saras

 

... Voltar a respirar,

Tu o quiseste,

Tu o desejaste,

Tu o conseguiste!

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:







topo | Blogs

Layout - Gaffe