Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



 

Neste recanto secreto, mundo bizarro

de emoções feito,

onde crescem sonhos, absortos em si

caminho por estradas antes criadas, antes forjadas

 

E vejo o que deixo para trás,

cortadas as desilusões e as malhas da paixão

em brevo volto a tudo reencontrar,

pois não pretendo falsa consciência do que sou,

apenas permanecer assim, envolto nisto

 

Tu baixas a voz, num sibilante sussurro

porque estou exposto, na escuridão

no amâgo do vazio,

por isso deixa que aqui fique

na penumbra do dia

 

Deixa que aqui fique, e renasço de novo

deixa-me neste Vazio, Nada

assim me abro para a morte, só

esta será a minha verdade,

por Fim, a Salvação que chega...

Autoria e outros dados (tags, etc)







topo | Blogs

Layout - Gaffe