Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Onde está a possibilidade,

de sonhar acima da mera condição

de verme, do rastejar decadente

da mera forma humana?

 

Resistir a uma fagulha de conhecimento

manter a chama que proclama

a sinistra decisão de continuar a ser

permanecer, imutável na existência

 

Por teu pedido, transfiguro

por tuas sábias palavras, morro

na tua soberba e determinação

vai a minha vontade.

 

Obrigado! Ensinaste-me a reverenciar,

por isso continuo a palmilhar o pensamento

agradeço-te, mostraste-me o que é ser Lobo,

eis a minha dentada mais feroz, em quem me alimenta!

 

E em pacíficas tardes te enfadas,

talvez já não brilhes, falta-te a fúria

ou porque no encanto da tua razão,

finalmente te vejas, e o lamentes

 

De pensamento acólito, transformas

uma só lágrima de martírio, no meu beijo de Judas

qualquer vitória é vaga, porque me conheces tamanho desejo

benevolente criatura, por ti encontrei a verdade

 

... Nunca mais voltar a olhar-te.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:







topo | Blogs

Layout - Gaffe