Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Comentário no post Nacht Frost

"Com o ódio que aqui destilas, é o que mereces...

Desconhecido (IP: 95.94.247.139) a 31 de Outubro 2016, 20:20"

 

Não, não. Creio que existe um engano ... desconhecido.

 

O que me suscita dúvidas. 

 

Será que este tímido  " é o que mereces " é para o Fleuma? 

 

Se assim for, aconselho a voltar a ler o que escrevi. Concluirá que o Fleuma não quer apenas merecer como procura todos os dias esse Caos. E veja, pequeno desconhecido, foi desde que o Fleuma aceitou isso como algo inevitável na existência ( sim, claro que você também dança!) que a paciência cresceu. Coisa que pode desde logo testemunhar pelo simples facto de estar a tentar explicar o que sei a sua  mente não abarca.

 

Portanto, se acha que isto é o que mereço, devo dizer que tenho o que quero. 

 

Certo? Compreendido?

 

Se por outro lado o subterrâneo " é o que mereces " se refere a uma princesa de seis anos, aí devo discordar. Siga o meu pensamento. Sei que é simplória a sua destreza mental, mas esta é uma menina que merece todo o ar, seja meu e principalmente o seu, que respira. Está a anos - luz da sua pocilga e eu reservo-me o direito de achar que a sua situação não é justa. Que deus não existe e se realmente existisse você já teria sido executada. Possivelmente seria um deus bem disposto e faria com que o caro(a) desconhecido(a) fosse executado numa qualquer limpeza de minorias imbecis de um miserável pais no fim do mundo. Por isso, lamento discordar. O Caos não se deveria aplicar a esta princesa.

 

Mas aceite o meu sincero pragmatismo. Talvez esta guerreira ainda viva mais anos do que o caro(a) desconhecido(o). Talvez  nem sequer tenha reparado, mas se calhar o seu sistema estará agora a multiplicar células a uma velocidade incomum. Muito para além do que deveria ser natural. Pode até ser que já muito tenha progredido e nem sequer o meu caro(a) assim perceba. Ou então talvez esteja nos estágios iniciais de uma terrível doença venérea, sabe, somos descuidados e o Caos não perdoa. Sei lá! A senilidade que tanto afecta os velhotes  pode ser a causa dos últimos esquecimentos, agora tão frequentes, que assolam os seus dias. 

 

Sei lá, mas pode ser que a menina afinal ainda viva mais do você e eu. 

 

Espero ter sido explicito e sem muita dificuldade para que entenda. 

Autoria e outros dados (tags, etc)


4 comentários

Sem imagem de perfil

De Isa a 01.11.2016 às 20:01

Amén, caro Fleuma...

Amén.
Imagem de perfil

De Fleuma a 01.11.2016 às 22:03

Não sei...

Hesito ...

Acha que fui muito simples na explicação? Não, antes: acha que destilo demasiado ódio? Sei lá! Deveria ser um pouco mais fraterno e abrir o coração ao mundo. Assim amava todos e desejava bom fim de semana com beijinhos a todos!
Sem imagem de perfil

De isa a 01.11.2016 às 22:24

É.
Beijinhos a todos e receitinhas da merda para o Natal, não se esqueça. Depois - se for mesmo muito diferente do que parece - sempre pode ir infernizar a vida a outros, mandar com as bacoradas mais atrozes que um cidadão já leu, e imediatamente a seguir, vitimizar-se imenso em espasmos de dor e actos de contrição.

Penso que no seu blog diz o que quiser. E se um esgoto de um anónimo lhe vem aqui deixar mensagens bem denotativas do quão filho da puta é (pardon my french), é dar-lhe com força.


Imagem de perfil

De Fleuma a 01.11.2016 às 22:43

Filho da puta seja. Ou filho da mulher da vida. Da esquina. Do vicio.
E o que mais me fascina é que umas semanas antes do ditoso 25 de Dezembro deixa de existir qualquer filha de putice e tudo se transforma em santos e santas. Um ano inteiro a navegar em esterco para no final, entre doces que as rechonchas deste mundo amam e beijos rosados tudo se consuma na paz de deus.
Reconheça, é como um coito interrompido porque toca o telefone. Tanta cretinice e depois ... nada!

Comentar post







topo | Blogs

Layout - Gaffe