Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



A máquina que nos mergulha nesta ladaínha.

Aprimorada que está esta estranha empatia que temos com as rotinas tão próprias e maquinais!

Levantar da cama, olhar o espelho, duras revelações. Todos os santos dias!

De carro ou de qualquer outro transporte, pouco interessa, visualização sistemática: sempre e sempre mais

do mesmo!!

Olhares que se trocam e sentimentos sempre, mas sempre, iguais.

 

Mas esta maquinaria nunca emperra? Será que nunca se esvaí e nos liberta?

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:







topo | Blogs

Layout - Gaffe